Um estudo sobre a aplicação dos conceitos e elementos da indústria 4.0 na produção de biomedicamentos

Felipe Silva, David Resende, Marlene Amorim

Resumo


Esse estudo descreve uma revisão sistemática da literatura sobre a aplicação dos conceitos e elementos da Indústria 4.0(I4.0) na produção de medicamentos a partir de processos biotecnológicos. O termo "indústria 4.0" trata da quarta revolução industrial atualmente em curso. Um dos seus objetivos é a integração entre o mundo real e virtual através da adoção de Sistemas Ciberfísicos, Internet das Coisas e outros elementos tecnológicos propostos pela I4.0. A revisão sistemática considerou publicações até agosto de 2019, sem restrição de data de início, por ser um assunto relativamente recente. Os resultados mostram numerosos documentos publicados sobre o tema I4.0, porém poucos relacionados à indústria biofarmacêutica. Os principais documentos obtidos através da revisão são discutidos ao longo deste artigo. A maioria das publicações aplicadas ao campo biofarmacêutico ainda se encontra em revistas e jornais especializados, provavelmente por causa da incipiência do assunto. Os anos de publicação dos documentos incluídos neste estudo através da revisão sistemática na literatura reforçam essa incipiência. Todas as publicações foram feitas nos últimos 5 anos. Esse fato sugere oportunidades interessantes para realização e publicação de novas pesquisas sobre o assunto nas bases científicas estabelecidas.


Palavras-chave


Industry 4.0. Pharma 4.0. Biopharma 4.0. Bio 4.0.

Texto completo:

PDF ♪ÁUDIO♪

Referências


BARBOSA, A. A formação de competências para inovar através de processos de transferência de tecnologia : um estudo de caso - Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2009.

BARENJI, R. V. et al.. Cyber-physical-based PAT (CPbPAT) framework for Pharma 4.0. International Journal of Pharmaceutics, [s.l.], v. 567, p. 118445, Feb. 2019. https://doi.org/10.1016/j.ijpharm.2019.06.036

BERTOLA, P.; TEUNISSEN, J. Fashion 4.0. Innovating fashion industry through digital transformation. Research Journal of Textile and Apparel, [s.l.], v. 22, n. 4, p. 352–369, 2018. https://doi.org/10.1108/RJTA-03-2018-0023

BRANKE. J, FARID. S, S. N. Industry 4 . 0: a vision also for personalised medicine supply chains ? Cell Gene Ther. [s.l.], v. 2, n. 2, p. 263–270, 2016. https://doi.org/10.18609/cgti.2016.027

COELHO, P. Rumo à Industria 4.0. Dissertação (Mestrado) - Universidade de Coimbra, 2016. Disponível em: https://estudogeral.uc.pt/handle/10316/36992.

CONFORTO, E. C.; AMARAL, D. C.; SILVA, S. L. Da. Roteiro para revisão bibliográfica sistemática: no desenvolvimento de produtos e GP. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE GESTÃO DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO, 8., 2011. [Anais...]. CNGDP 2011, [s.l.], no 1998, p. 1–12, 2011.

DAUDT, G.; WILLCOX, L. Reflexões críticas a partir das experiências dos Estados Unidos e da Alemanha em manufatura avançada. BNDES Setorial. 44. ed. Rio de Janeiro: [s.n.], 2016. p. 5–46.

DING, B. Pharma Industry 4.0: literature review and research opportunities in sustainable pharmaceutical supply chains. Process Safety and Environmental Protection, [s.l.], v. 119, p. 115–130, 2018. https://doi.org/10.1016/j.psep.2018.06.031

FESTA, G. et al.. Big data for big pharma: harmonizing business process management to enhance ambidexterity. Business Process Management Journal, [s.l.], v. 24, n. 5, p. 1110–1123, 2018. https://doi.org/10.1108/BPMJ-10-2017-0272

KELLER, M. et al.. Optimized robot systems for future aseptic personalized mass production. Procedia CIRP. [s.l.], v. 72, p. 303–309, 2018. https://doi.org/10.1016/j.procir.2018.03.066

KUTNJAK, A.; PIHIRI, I.; FURJAN, M. T. Digital transformation case studies across industries: Literature Review. [s.l.], p. 1293–1298, 2019. https://doi.org/10.23919/MIPRO.2019.8756911

MANZANO, T.; LANGER, G. Getting ready for pharma 4.0: data integrity in cloud and big data applications. International Society for Pharmaceutical Engineering (ISPE), [s.l.], p. 72–19, 2018. https://doi.org/10.1177/030857599602000113

MARKARIAN, J. Industry 4.0 in biopharmaceutical manufacturing: modern technologies offer opportunities to increase manufacturing efficiency. BioPharm International, [s.l.], v. 31, n. 7, p. 36–38, 2018a.

MARKARIAN, J. Pharma 4.0. Pharmaceutical Technology, [s.l.], v. 42, n. 4, p. 24, 2018b.

MARKARIAN, J. Embracing the digital factory for bio/pharma manufacturing. Pharmaceutical Technology, [s.l.], v. 43, n. 3, p. 16–21, 2019.

NARGUND, S.; GUENTHER, K.; MAUCH, K. The Move toward Biopharma 4.0. Genetic Engineering and Biotechnology News, [s.l.], v. 39, n. 6, p. 53–55, 2019. https://doi.org/10.1089/gen.39.06.18

OZTEMEL, E.; GURSEV, S. Literature review of Industry 4.0 and related technologies. Journal of Intelligent Manufacturing, [s.l.], Jan. 2018. https://doi.org/10.1007/s10845-0181433-8

ROMERO-TORRES, S. et al.. Biopharmaceutical process model evolution- enabling process knowledge continuum from an advanced process control perspective. American Pharmaceutical Review, [s.l.], 2018.

ROMERO-TORRES, S.; MOYNE, J.; KIDAMBI, M. Towards pharma 4.0; Leveraging lessons and innovation from Silicon valley. American Pharmaceutical Review, [s.l.], v. 7, n. 1, 2017.

SACOMANO, J.; SÁTYRO, W. Indústria 4.0: conceitos e elementos formadores. In: EDGARD BLUCHER LTDA. (Org.). Indústria 4.0: conceitos e fundamentos. São Paulo: [s.n.], 2018a. p. 27–47.

SACOMANO, J.; SÁTYRO, W. Introdução. In: EDGAR BLUCHER LTDA. (Org.). Indústria 4.0: conceitos e fundamentos. São Paulo: [s.n.], 2018b. p. 17–27.

SILVA, F.; CAULLIRAUX, H. A desverticalização no setor de produção de biomedicamentos e a utilização das empresas cmos (contract manufacturing organization). Revista Produto & Produção, [s.l.], v. 17, n. 4, p. 1–18, 2016. https://doi.org/10.22456/1983-8026.63121

TESSARINI, G.; SALTORATO, P. Impactos da indústria 4.0 na organização do trabalho: uma revisão sistemática da literatura. Revista Produção Online, [s.n.], v. 18, n. 2, p. 743769, 2018. https://doi.org/10.14488/1676-1901.v18i2.2967

YU, L. X.; KOPCHA, M. The future of pharmaceutical quality and the path to get there. International Journal of Pharmaceutics, [s.l.], v. 528, n. 1–2, p. 354–359, 2017. https://doi.org/10.1016/j.ijpharm.2017.06.039




DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v20i2.3843

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com