Modelagem e simulação de uma proposta de estoque flow rack para otimizar o layout do armazém de medicamentos e reduzir os desperdicíos

Matheus das Neves Almeida, Antonio José Moreira de Melo, Jonathan Brito Costa, Herika Oliveira Gama

Resumo


Este artigo aplicou técnicas de gestão de estoque e mudança no layout do armazém para a redução de desperdícios de produtos defeituosos, movimentações e processamentos desnecessários em um armazém de uma distribuidora de medicamentos e materiais correlatos. Para tanto, dividiram-se as variáveis do estudo em duas etapas: a primeira diz respeito às dimensões do layout do armazém, as das disposições dos estoques atuais e das dimensões das embalagens dos produtos em estoque; e a segunda refere-se aos dados históricos de vendas como a quantidade vendida e preço de venda dos produtos dos últimos 6 meses. Ademais, utilizou-se os softwares, Allyphama para baixar os dados do histórico de vendas, o Microsoft Excel para gerar planilhas que auxiliassem nos estudos, o AutoCad para gerar as plantas baixas atual e melhorada do armazém e o SolidaWork para modelar e simular a estrutura proposta do estoque flow rack. Como resultado este artigo investigou in loco os desperdícios e constatou que os principais foram: desperdícios de produtos defeituosos (produtos vencidos), de movimentação desnecessária e de processamentos desnecessários. Frente ao constatado, buscou-se melhorar o sistema logístico da empresa com a utilização da modelagem e simulação de uma proposta de estrutura de estoque do tipo flow rack, que obteve uma redução significativa na área utilizada de aproximadamente 35% e consequentemente reduzir os desperdícios supracitados. Dessa forma, conclui-se que a aplicação das técnicas de gestão de estoque e mudança no layout para a redução de desperdícios é de fato benéfica para as organizações e que

Palavras-chave


Estoque flow rack. Layout do armazém. Desperdício.

Texto completo:

PDF ♪ÁUDIO♪

Referências


AMARAL, J. T.; DOURADO, L. O. Gestão de Estoques. In: ENCONTRO CIENTÍFICO E SIMPÓSIO DE EDUCAÇÃO UNISALESIANO, 3., 2011, Araçatuba. Anais eletrônicos [...] Araçatuba: UNISALESIANO, 2011. Disponível em: http://www.unisalesiano.edu.br/simposio2011/publicado/artigo0055.pdf. Acesso: 20 de jun. de 2018.

ÂNGELO, H.; CARROLO, J.; BEIRA, R. Introdução ao SolidWorks. Instituto superior técnico, 2002.

ARAÚJO, L. C. G. Organização, sistemas e métodos e as tecnologias de gestão organizacional: arquitetura organizacional, benchmarking, empowerment, gestão pela qualidade total e reengenharia. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

AROZO, Rodrigo. Monitoramento de desempenho na gestão de estoque. Centro de estudos em Logística. COPPEAD/UFRJ, 2006. Disponível em: http://www.kuehne.com.br/artigos/indicadores.PDF Acesso em: 19 de jun. 2018.

BALLOU, R. H. Gerenciamento da cadeia de suprimentos: planejamento organização e logística empresarial. Tradução Elias Pereira. 5.ed. Porto Alegre: Bookman, 2006.

BALLOU, Ronald. H., Gerenciamento da cadeia de suprimentos: logística empresarial. 5ed. Porto Alegre: Bookman, 2008.

BRAGA, L. M.; PIMENTA, C. M.; VIEIRA, J. G. V. Gestão de armazenagem em um supermercado de pequeno porte. Revista P&D em Engenharia de Produção, v. 8, p. 57-77, 2008.

BREITENBACH, F. A. Aplicação dos conceitos da manufatura enxuta e do mapeamento do fluxo de valor em uma empresa fabricante de implementos rodoviários de engenharia sob encomenda. 2013. 174 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica) – Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Florianópolis.

CABANAS, L. A.; RIBEIRO, M.C. Apostila de administração de recursos materiais e patrimoniais. 2005.

CARVALHO, José Mexia Crespo de - Logística. 3. ed. Lisboa: Edições Silabo, 2002.

CAXITO, Fabiano. Logística: um enfoque prático. Rio de Janeiro: Saraiva, 2011.

CHAN, F.T.; CHAN, H.K. Improving the productivity of order picking of a manual-pick and multi-level rack distribution warehouse through the implementation of class-based storage. Expert Systems with Applications, v. 38, n. 3, p. 2686-2700, 2011. https://doi.org/10.1016/j.eswa.2010.08.058

CORRÊA, H. L.; CORRÊA, C. A. Administração de produção e operações: manufatura e serviços – uma abordagem estratégica. São Paulo: Editora Atlas, 2004.

DIAS, M. A. P. Administração de materiais: uma abordagem logística. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2010.

ELIAS, S. J. B. A influência do planejamento mestre da produção na implementação da manufatura enxuta: o nivelamento da produção (Heijunka). 2011. 352 f. Tese (Doutorado em Engenharia de Produção) – Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Florianópolis.

FERREIRA, J.C.E; REAES, P.A. Performance comparison of the virtual cell layout with cellular and job shop configurations using simulation and design of experiments. In: 9th IEEE

INTERNATIONAL.CONFERENCE ON AUTOMATION SCIENCE AND ENGINEERING, 9., 2013. IEE CASE, Madison, Wisconsin, EUA. Anais [...] Madison, IEEE Robotics and Automation Society, p.795-800, 2013. https://doi.org/10.1109/CoASE.2013.6654054

FERREIRA, P. C. P. Técnicas de armazenagem. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1998.

Frazelle, E. World-class warehousing and material handling. United States: McGraw-Hill. p 22-45, 2002.

GOPINATH, S., FREIHEIT, T. Um modelo de relacionamento de resíduos e métrica de rastreamento de ponto central para sistemas de manufatura enxuta. IIE Transactions (Operations Engineering), v.44, fev. 2012, p.136-154.

INTERNATIONAL LOGISTICS MAGAZINE. A função logística da armazenagem. Ano XIII, nº 54. Disponível em www.skywalker.com.br/index.php Acesso: junho de 2018.

IUDÍCIBUS, Sérgio de; MARTINS, Eliseu; GELBCKE, Ernesto Rubens; SANTOS, Ariovaldo dos. Manual de Contabilidade societária. São Paulo: Atlas, 2010.

KAMARUDDIN, S.; KHAN, A. Z.; SIDDIQUEE, A. N.; WONG, Y. S. The impact of variety of orders and different number of workers on production scheduling performance: A simulation approach. Journal of Manufacturing Technology Management, v. 24 n. 8, p.1123- 1142, 2013. https://doi.org/10.1108/JMTM-12-2010-0083

MARTINS, G. S.; BAIAO, A. R. S.; SANTOS, A. L. N.; TANAJURA, A. P. M. A aplicação da manufatura enxuta no processo de separação de pedidos em uma indústria de alimentos. In:

ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 36., 2016, João Pessoa. Anais[...]. João Pessoa: ABEPRO, 2016. p. 1-19.

MARTINS, Petrônio G.; ALT, Paulo R. C. Administração de materiais e recursos patrimoniais. São Paulo: Saraiva, 2001.

MOURA, R. A. Sistemas e técnicas de movimentação e armazenagem de materiais. São Paulo: Manual de Logística - IMAM. V.1, 1998.

OHNO, T. O Sistema Toyota de produção: além da produção em larga escala. Porto Alegre: Bookman, 1997.

PERALTA, C. B. L. Lean Healthcare: pesquisa-ação para implementação de melhorias em um processo de pronto atendimento infantil. 2014. 116 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) – Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Florianópolis.

PINHEIRO, L. V.R. Processo evolutivo e tendências contemporâneas da ciência da informação. Informação e Sociedade, João Pessoa, v. 15, n.1, 2005.

PINTO, Ricardo Aurélio Quinhões; TORATO, Ubiratan; VEIGA, Claudimar Pereira da;

CATAPAN, Anderson. Gestão de estoque e lean manufaturing: estudo de caso em uma empresa metalúrgica. Revista Administração em Diálogo, n. 1, v. 15, p 111-138, 2013. https://doi.org/10.20946/rad.v15i1.12095

POZO, Hamilton. Administração de recursos materiais e patrimoniais. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2016.

RIGOLETO, A. A.; PEREIRA, E. M.; DURAN, J. E. A gestão de estoque como ferramenta estratégica na redução de custos. Revista Organizações e Sociedade, n. 6, v. 6, p. 103-114, 2017. https://doi.org/10.29031/ros.v6i6.308

RITZMAN, L. P.; KRAJEWSKI, L. J. Administração de produções e operações. 7 ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2004.

RODRIGUEZ, Carlos Manuel Taboada; SOUZA, Daniel Araújo Bezerra; SANTOS, Guilherme Pedrosa Soares; CASARIN, N. Lean na logística: uma reflexão da agregação de valor e desperdícios. Mundo Logística, n. 26, Ano V, p. 18-23, 2012.

SANTOS, N. C. dos; PIZZOL, F. G.; SILVA, R. G. da; SPERS, V. R. E. Gerenciamento de estoque: estudo de caso em uma empresa do ramo de alimentos nutricionais de Piracicaba/SP. Revista Conteúdo, v.7, n. 1, 2014.

SEVERO FILHO, J. Administração de logística integrada: materiais, pcp e marketing. Rio de Janeiro: E-papers Servicos Editoriais Ltda, 2006.

SHINGO, S. O sistema Toyota de produção: do ponto de vista da engenharia de produção. 2 ed. Porto Alegre: Bookman, 1996.

SILVA C. S.; MORAIS, M. C.; FERNANDES, F. A. A practical methodology for cellular manufacturing systems design - An industrial study. Transaction on Control and Mechanical Systems, v.2, n.4, p. 198- 211, 2012.

SILVA, Ivo Ferreira; Apostila: Introdução ao SolidWorks. Bahia: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia, IFBA, 2009.

SLACK, N. et al. Administração da produção. Editora Atlas, 2009.

TAPPING, Don; SHUKER, Tom. Lean office: gerenciamento do fluxo de valor para áreas administrativas- 8 passos para planejar, mapear e sustentar melhorias lean nas áreas administrativas. São Paulo: Leopardo Editora, 2010. 186p.

TOMPKINS, J. A.; BOZER, Y. A.; FRAZELLE, E. H.; TANCHOCO, J. M. A. Facilities Planning. 4. ed., Hoboken: John Wiley & Sons, 2010.

VARGA, A. Ver e não enxergar, eis a questão. 2016. Disponível em: https://www.linkedin.com/pulse/ver-e-n%C3%A3o-enxergar-eis-quest%C3%A3o-antal-varga Acesso em: 20 nov. 2016.

VENTURINI, L. R. L. Proposta de implantação de um processo de montagem enxuto no setor de produção de bens de consumos duráveis: um estudo de caso. 2012. 134 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica) – Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Florianópolis.

VIANA, J. J. Administração de materiais: um enfoque prático. São Paulo: Atlas, 2010.

VIEIRA, Helio Flavio. Gestão de estoques e operações industriais. Curitiba: IESDE, 2009.

VILLAR, A.M.; SILVA, L. M. F. E NÓBREGA, M. M. Planejamento, programação e controle da produção. João Pessoa: Editora Universitária/UFPB, 2008.

WANG, X.; CONBOY, K.; CAWLEY, O. “Leagile” software development: An experience report analysis of the application of lean approaches in agile software development. Journal of Systems and Software, v. 85, n. 6, p. 1287-1299, 2012. https://doi.org/10.1016/j.jss.2012.01.061




DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v19i3.3354

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com