Tecnologia e forças competitivas: estudo de caso sobre o VoIP em uma concessionária de telecomunicações

Renato de Oliveira Moraes, Renato Borges Fernandes

Resumo


O presente artigo analisa a influência da tecnologia de Voz sobre IP (VoIP) nas posições estratégicas, sob a perspectiva da CTBC, utilizando-se da tipologia de Porter. A análise dos dados demonstra que os clientes adquiriram maior poder de barganha, quando se soma a tecnologia VoIP ao surgimento de novos concorrentes do setor de provedores de conteúdos, impulsionando a empresa a realizar alianças com esses provedores. Foi identificado, também, o surgimento de produtos substitutos oferecidos por concorrentes que adquirem a tecnologia de banda larga da própria empresa. Entretanto, esses produtos não interferem significativamente na rentabilidade da empresa, atualmente. Uma última análise aponta que, para clientes residenciais, a tecnologia impactou diretamente na rentabilidade da empresa na telefonia fixa, tendo como principal fator, o aumento das vendas de acesso à Internet por banda larga e o conseqüente aumento da utilização do VoIP por meios não pagos. Pôde-se identificar, com bom grau de clareza, que a tecnologia VoIP para a CTBC é uma questão de sobrevivência futura, possuindo potencialidades para rentabilidade em médio e longo prazos, não representando, porém, diferencial estratégico imediato.


Palavras-chave


Tecnologia VoIP; Empresas de Telecomunicação; Forças Competitivas; Estratégia Organizacional; Posicionamento Estratégico

Texto completo:

ARTIGO ♪AUDIO♪ COMO CITAR


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v10i2.308

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com