Medição de indicadores logísticos em duas operações de montagem abastecidas por cadeias de suprimentos

Thiago Morais Menezes, Marcelo Giovani Guimarães, Miguel Afonso Sellitto

Resumo


Este artigo apresenta uma metodologia para medição de indicadores logísticos aplicada a dois casos, a montagem de uma manufatura calçadista e o atendimento de pedidos de uma montadora de condicionadores de ar. Ambas são abastecidas por cadeias de suprimentos. O estudo da montagem pode ser útil para sincronização da cadeia e redução de variabilidades na entrada de pedidos, por pulmão de montagem. A metodologia emprega análises quantitativas e gráficas e calcula tempo de atravessamento, inventário, desempenho, pulmão e ocupação da cadeia. O primeiro caso testou e robusteceu a parte quantitativa do método. O segundo caso, composto por montagem padronizada de componentes entregues por cadeia de suprimentos e execução de serviços customizados, foi analisado quantitativa e graficamente e discutidas as implicações do uso do método. Usando os indicadores calculados, sugeriram-se redução de estoque na montagem padronizada e aumento na customização, o que permite reduzir o tempo de atravessamento total. Palavras-chave: Indicadores Logísticos, Filas em manufatura, Controle de manufatura, Gestão de Cadeia de Suprimentos, Variabilidade em Cadeias de Suprimentos.

Texto completo:

Artigo Áudio


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v8i1.26

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com