Aplicação da modelagem e simulação nos sistemas de filas m/m/s- entendendo a natureza da simulação

Marina Meireles Pereira, Maria José Pereira Dantas

Resumo


A Simulação se tornou uma abordagem de estudo utilizada em aplicações diversas, dentro da Engenharia. A simulação é a representação do comportamento de um processo real por meio de um modelo experimental, com o objetivo de avaliar o funcionamento deste e buscar melhorias em seu desempenho. A aplicação da simulação é de grande interesse se o problema em questão não é tão simples e requer uma modelagem mais realista. Este artigo propõe uma discussão que tem como pano de fundo a comparação entre Métodos Analíticos e Métodos Numéricos. Os métodos analíticos são aplicados a filas do tipo M/M/s com o objetivo de demonstrar aos alunos de Engenharia, de maneira intuitiva e razoavelmente simples e rápida, que as soluções obtidas pela abordagem de simulação são aproximadas e mais confiáveis quando se entende a natureza da simulação. A parte experimental utiliza o software Microsoft Excel para demonstrar questões importantes, como o tempo de aquecimento para obtenção do regime estável e número de replicações da simulação. São mostrados experimentos em que os valores da simulação convergem para os valores teóricos somente após um tempo grande de simulação. E que as replicações sempre apresentam variabilidade e os resultados de saída devem ser tratados estatisticamente.


Palavras-chave


Simulação. Filas. Métodos Analíticos. Método Numérico. Excel.

Texto completo:

PDF ♪ÁUDIO♪

Referências


ABENSUR, Eder O.; BRUNSTEIN, Israel; FISCHMANN, Adalberto A. & HO, Linda L. Tendências para o auto-atendimento bancário brasileiro: um enfoque estratégico baseado na teoria das filas. Revista de Administração Mackenzie, v.4, n.2, p. 39-59, 2003.

ANDRADE, E. L. Introdução à pesquisa operacional: métodos e modelos para a análise de decisão. 3. ed. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, 2002.

ARTALEJO, J. R. & LOPEZ-HERRERO, M. J. A simulation study of a discrete-time multiserver retrial queue with finite population. Journal of Statistical Planning and Inference, 2007. DOI: 10.1016/j.jspi.2006.04.018.

BAPTISTA, Rodrigo C. T. & RANGEL, João J. de A. Simulação a eventos discretos de uma via semaforizada com controle automatizado em tempo real. Revista Produção Online. Florianópolis, SC, v.13, n. 1, p. 290-317, jan./mar. 2013. DOI: http://dx.doi.org/10.14488/1676-1901.v13i1.1149

BARBOSA, Raphael A.; RODRIGUES, Thiago L.; ALMEIDA; Rafael E. P.; ESPINDOLA, Jesse R. A. & MOREIRA, Davi F. V. Modelagem e Análise do Sistema de Filas de Caixas de Pagamento em uma Drogaria: Uma Aplicação da Teoria das Filas. XXIX Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 2009.

BOUZADA, Marco Aurélio C. Simulação versus métodos analíticos: uma ferramenta didática na forma de discussão teórica. XXI Encontro Nacional dos Cursos de Graduação em Administração, 2010.

BRANDÃO, Rayra; GOMES, Simones A. R.; STELMASTCHUK, Juliana & SANTOS, Yveline B. I. Teoria de Filas Aplicada a Panificadora de um Supermercado. XIX Simpósio de Engenharia de Produção, 2012.

CARNEIRO, Welington M. Experimentação em um Sistema de Filas Utilizando a Simulação Computacional: Um Estudo de Caso. XXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 2008.

CHUNG, Christopher A. Simulation modeling handbook: a practical approach. Florida: CRC Press, 2004. Disponível em: Acesso em: 15 set 2014

CHWIF, Leonardo & MEDINA, Afonso C. Modelagem e Simulação de Eventos Discretos: Teoria e Aplicações. 3. Ed. rev. São Paulo: Ed. do Autor, 2010.

EVANS, James. R. Spreadsheets as a Tool for Teaching Simulation. College of Business Administration University of Cincinnati. Cincinnati, Ohio 45221, USA, 2000.

FITZSIMMONS, James A. & FITZSIMMONS, Mona J. Administração de Serviços: operações, estratégia e tecnologia da informação. 6. Ed. Porto Alegre: Ed. Bookman, 2010.

FOGLIATTI, Maria C.; MATTOS, Néli M. C. Teoria de Filas. Rio de Janeiro: Interciência, 2007.

FREITAS FILHO, Paulo J. Introdução à Modelagem e Simulação de Sistemas com Aplicações em Arena. 2. ed. Florianópolis: Visual Books, 2008.

HILLIER, Frederick S. & LIEBERMAN, Gerald J. Introdução à Pesquisa Operacional. 9.ed. Porto Alegre: AMGH, 2013.

INGOLFSSON, Armann., GROSSMAN Jr, Thomas. A. Graphical Spreadsheet Simulation of Queues. INFORMS Transactions on Education 2(2):27-39, 2002. DOI: http://dx.doi.org/10.1287/ited.2.2.27.

LAW, Averill M. Simulation Modeling & Analysis. 4. ed. Boston: Ed. McGraw-Hill, 2007.

LIMA, Danilo F. S. de; ALCANTARA, Paulo G. de F.; SANTOS, Luciano C.; SILVA, Liane M. F. e & SILVA, Ricardo M. da. Mapeamento do Fluxo de Valor E Simulação para Implementação de Práticas Lean em uma Empresa Calçadista. Revista Produção Online. Florianópolis, SC, v. 16, n. 1, p. 366-392, jan./mar. 2016. DOI: http://dx.doi.org/10.14488/1676-1901.v16i1.2183.

NORATO, Hélida G. & DUARTE, Anderson R. Uma proposta para a detecção do adequado período de aquecimento em modelos de simulação. Gestão da Produção, Operações e Sistemas. Ano 6, n.4, p. 11-26, 2011.

PEREIRA, Carla R. & COSTA, Miguel A. B. da. Um Modelo de Simulação de Sistemas Aplicado à Programação da Produção de um Frigorífico de Peixe. Revista Produção Online. Florianópolis, SC, v.12, n. 4, p. 972-1001, out./dez. 2012. DOI: http://dx.doi.org/10.14488/1676-1901.v12i4.994

PERIN, Clóvis F. Introdução à simulação de sistemas. Campinas, Ed. da Unicamp, 1995.

PRADO, Darci S. Usando o ARENA em Simulação. 3. ed. Belo Horizonte: Ed. INDG Tecnologia e Serviços Ltda., 2008.




DOI: http://dx.doi.org/10.14488/1676-1901.v17i1.2360

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com