Proposta de redução de lead time na linha de produtos termoelétricos de uma pequena empresa familiar do interior paulista

Autores

  • Fernanda Veríssimo Soulé Mestranda do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP.
  • Ana Beatriz Lopes Françoso Mestranda do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP. Professora da Universidade Paulista
  • Luana Bonome Message Costa Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP.
  • Tatiana Kimura Kodama Mestre pelo Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP.
  • Nayara Cristini Bessi Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP.
  • Luís Schiavon Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo (EESC-USP), São Carlos-SP
  • Moacir Godinho Filho Docente da Universidade Federal de São Carlos-SP

DOI:

https://doi.org/10.14488/1676-1901.v16i1.2138

Palavras-chave:

pequena empresa familiar. Redução de lead time. Quick Response Manufacturing

Resumo

O Quick Response Manufacturing (QRM) é uma maneira de empresas manufatureiras alcançarem flexibilidade. Este é um elemento-chave para diferenciação e potencialização da competitividade. Há poucas pesquisas empíricas cujo tema permeia micro e pequenas empresas (MPEs) e flexibilidade da produção, o que pode impactar a apropriação dessa abordagem por esses importantes atores da nossa economia. Este artigo objetiva demonstrar os resultados de uma pesquisa de campo que utilizou o QRM para propor ações capazes de reduzir o lead time da linha de termoelétricos de uma pequena empresa familiar do interior paulista. Foram propostos a) o equilíbrio dos throughputs das operações lentas, reduzindo 50% dos lotes de produção seguido de reduções gradativas; b) a implantação da manufatura celular e melhorias da gestão dos estoques intermediários, utilizando o sistema POLCA e gestão visual; c) a implantação de um planejamento integrado de vendas e operações e regras para priorização de pedidos. Identificou-se que a proposta geraria uma redução de lead time de 39 para 21,3 dias e uma redução inicial de 51% no custo do estoque de matéria prima, podendo chegar até 69%. Notaram-se: a) problemas de gestão, capacidade de investimento e relação com fornecedores, frequentes em MPEs familiares; b) o QRM pode ser adaptado para as necessidades de MPEs; c) a importância da interação entre o conhecimento desenvolvido na academia e as pequenas empresas familiares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Veríssimo Soulé, Mestranda do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP.

Universidade Federal de São Carlos
Departamento de Engenharia de Produção

Ana Beatriz Lopes Françoso, Mestranda do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP. Professora da Universidade Paulista

Universidade Federal de São Carlos
Departamento de Engenharia de Produção

Universidade Paulista

Luana Bonome Message Costa, Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP.

Universidade Federal de São Carlos
Departamento de Engenharia de Produção

Tatiana Kimura Kodama, Mestre pelo Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP.

Universidade Federal de São Carlos
Departamento de Engenharia de Produção

Nayara Cristini Bessi, Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - SP.

Universidade Federal de São Carlos
Departamento de Engenharia de Produção
Núcleo de Informação Tecnológica em Materiais NIT/UFSCar

Luís Schiavon, Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo (EESC-USP), São Carlos-SP

Universidade de São Paulo

Moacir Godinho Filho, Docente da Universidade Federal de São Carlos-SP

Universidade Federal de São Carlos
Departamento de Engenharia de Produção

Publicado

2016-03-15

Como Citar

Soulé, F. V., Françoso, A. B. L., Costa, L. B. M., Kodama, T. K., Bessi, N. C., Schiavon, L., & Godinho Filho, M. (2016). Proposta de redução de lead time na linha de produtos termoelétricos de uma pequena empresa familiar do interior paulista. Revista Produção Online, 16(1), 278–312. https://doi.org/10.14488/1676-1901.v16i1.2138

Edição

Seção

Artigos