Proposição de algoritmo simulated annealing para programação em flow shops paralelos proporcionais com tempos de setup explícitos

Helio Yochihiro Fuchigami

Resumo


Este trabalho aborda o problema de otimização da duração total da programação (makespan) em dois flow shops paralelos proporcionais com tempos de setup explícitos e independentes da sequência de tarefas. O problema de programação em flow shops paralelos é um caso específico do conhecido flow shop híbrido, caracterizado por sistemas produtivos multiestágio com mais de uma máquina operando em paralelo em cada estágio, e muito frequente em vários tipos de indústrias como química, eletrônica, automotiva, farmacêutica e alimentícia. Este trabalho objetivou propor seis algoritmos Simulated Annealing e seus respectivos esquemas de perturbação, além de um algoritmo para geração da sequência inicial, para solução do problema descrito. Este estudo pode ser classificado como “pesquisa aplicada” quanto à natureza, “pesquisa exploratória” quanto aos objetivos e “pesquisa experimental” quanto aos procedimentos, além da abordagem “quantitativa”. Os algoritmos propostos mostraram-se eficazes quanto a solução e eficientes computacionalmente. Os resultados da Análise de Variância (ANOVA) revelaram que não existe diferença significativa entre os esquemas de perturbação em termos do makespan. Sugere-se a utilização do esquema PS4, que faz o deslocamento de uma subsequência de tarefas, por ter fornecido a melhor porcentagem de sucesso. Verificou-se também que é significativa a diferença entre os resultados dos algoritmos para cada valor do fator de proporcionalidade dos tempos de processamento e de setup dos flow shops.


Palavras-chave


Programação da produção. Flow shops paralelos. Simulated annealing. Tempos de setup.

Texto completo:

ARTIGO ♪ÁUDIO♪


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v14i3.1631

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com