Manutenção centrada em confiabilidade (MCC): análise quantitativa de um forno elétrico a indução

Diego Santos Cerveira, Miguel Afonso Sellitto

Resumo


O objetivo deste artigo é definir uma estratégia de manutenção para um forno elétrico a indução, instalado em uma fundição de aços especiais. O método de pesquisa foi a modelagem quantitativa. O método proposto é baseado na metodologia da Manutenção Centrada na Confiabilidade (MCC), aplicada a equipamento industrial. Análises quantitativas de confiabilidade, mantenabilidade e disponibilidade foram usadas como ferramentas de apoio à definição da estratégia de manutenção do equipamento. Para a pesquisa, foram coletados dados históricos de tempo até o reparo (TTR) e tempo entre falhas (TBF) do equipamento em estudo. Com o auxílio do software ProConf 2000, foram identificadas e modeladas as distribuições mais adequadas para esses tempos: lognormal (TTR) e Weibull (TBF). Com os valores obtidos foi possível calcular a disponibilidade do equipamento, Av = 98,18%, e o fator de forma g = 1 da distribuição de Weibull. Foi possível posicionar o equipamento na curva da banheira, na fase de maturidade e definir a melhor estratégia de manutenção para este caso, a preditiva. Por fim, discutiu-se a estratégia adotada atualmente pela empresa e apresentaram-se sugestões de desenvolvimento para esta estratégia.


Palavras-chave


Confiabilidade. Mantenabilidade. Disponibilidade. Estratégia de Manutenção.MCC.

Texto completo:

PDF ♪ÁUDIO♪


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v15i2.1615

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com